Boletins

  • Cadastre-se e receba nossas novidades:
  • Notícias
  • Subsídios pedagógicos
  • Eventos
  • Associado

Notícias

Carta Aberta sobre Valores Humanos e Ambientais no Brasil

Quarta-feira, 24 de outubro de 2018 - 20h05min

Nos últimos dez dias, as sangas do Centro de Estudos Budistas Bodisatva  - CEBB de todo o Brasil tem promovido conversas apreciativas sobre a situação política do Brasil, buscando entender e aproveitar este momento para aprofundar nossa prática, individual e coletiva, do darma, bem como pensarmos juntos como podemos fazer para aliviar os sofrimentos e nos movermos gerando benefícios em todas as direções. As conversas culminaram em um encontro nacional das sangas, que produziu um documento-síntese com o título simbólico “Não temos inimigos”.

No último domingo, o CEBB deu um passo além, convidando diversas entidades religiosas e civis, movimentos sociais, líderes indígenas e representantes do poder público, para uma conversa aberta para convergir e reafirmar valores humanos e ambientais, que devem ser lembrados entre nós e a quaisquer governantes que assumam o poder pelos próximos quatro anos. O resultado, que vai muito além das eleições, é o fortalecimento de redes de compaixão, entre movimentos que já estão engajados a um longo tempo, de forma que possam sonhar e agir em conjunto.

O primeiro resultado desta rede foi uma “Carta Aberta sobre Valores Humanos e Ambientais no Brasil”, assinada por diversas instituições e que sintetiza o pensamento que queremos reforçar. Nas palavras do Lama Samten: “É muito importante entender que estabelecemos uma rede de ação permanente que na nossa visão, segue diretamente a inspiração de construção das terras puras, auto organização e reencantamento. Nossas ações em rede buscarão desenvolver as visões amplas, valores elevados e ações compassivas naturalmente presentes em cada organização.”

Sinalizamos que o Fórum Nacional Permanente do Ensino Religioso - FONAPER apoia a carta, bem como, iniciativas em prol dos valores humanos e ambientais.

Confira em anexo o documento.

Fonte: Centro de Estudos Budistas Bodisatva

Anexos

voltar
encaminhe
comente
imprima