Bem-me-quer, Malmequer: um estudo sobre a presença do ensino religioso na Base Nacional Comum Curricular

Em 2017, o Ministério da Educação homologou a nova Base Nacional Comum Curricular (BNCC) incluindo o Ensino Religioso como área de conhecimento do Ensino Fundamental. Trata-se de um fato histórico, pois foi a primeira vez que a União, no período republicano, emitiu diretrizes curriculares definindo as unidades temáticas, os objetos de conhecimento e as habilidades concernentes ao Ensino Religioso, a serem traduzidos na forma de disciplina escolar. Este estudo analisa o debate quanto à presença do Ensino Religioso na elaboração da BNCC. Quanto à metodologia está embasada em pesquisa documental, utilizando as versões preliminares da BNCC como fonte, e na realização de entrevistas com especialistas que atuaram na redação dos documentos. Os resultados indicam debates e disputas ocorridos durante o percurso de elaboração da BNCC até a homologação da versão final, discutindo a atuação de agentes contrários e favoráveis à inclusão do Ensino Religioso no Currículo do Ensino Fundamental.

Autores: Eliane Maura Littig Milhomem Freitas
Palavras-chave: Base Nacional Comum Curricular / Ciências da Religião / Educação / Ensino religioso
Editora: Editora Universitária Champagnat
Ano de edição: 2021